Escaladas.com.br

Até o momento, temos 6.397 vias cadastradas em 1297 locais de 344 cidades de 24 estados brasileiros.

Dados da Via Rio de Janeiro > Guapimirim > Pedra do Escalavrado > Face Oposta do Escalavrado

Ampliar imagem Face Oposta do Escalavrado
Fabrício Vieira na via, durante a primeira repetição, 42 anos após a conquista. Foto: Marcos Dias
Ampliar imagem Face Oposta do Escalavrado
Uso intenso de fitas em gravatás e árvores.
Na fissura em J (IIIsup), bastante suja por sinal, usam-se dois #4, um #3 , um #2 e, acima, peças menores. O trecho de A1 da via pode ser feito com micronuts offset, um jogo de C3 e peças #000 e 00 repetidos facilita. Nuts pequenos e #.3 #.4 #0.75 #1. Não foi localizado o grampo da parada acima do A1. Entretanto, há uma árvore muito boa para ancoragem.
Face Oposta do Escalavrado
No início da via, após o primeiro grampo na esquerda, segue-se para direita.

Beta: Alguém para levar a cordada de carro até a entrada do rio soberbo agiliza na aproximação.
Deixar préviamente 2 litros de água mais ao fundo do cume do escalavrado garante a cordada a ir um pouco mais leve.
Do cume pode se comunicar para aquela carona salvadora.


Ver croqui no tamanho original

Imprimir croqui
Face Oposta do Escalavrado Imprimir informações da via
D5 4º IV A1(2) E3
Cadastrada por: Fabricio Vieira, em 20-02-2019 às 02:24
Modalidade: tradicional
Tipo de via: principal
Face: oeste
Tipo de escalada predominante: agarras e aderência
Extensão: 560 metros
Data da conquista: 07/07/1977
Descrição: Conquista do CEP realizada em duas investidas, teve sua primeira repetição apenas 05/2019 por Marcos Dias e Fabrício Vieira. A aproximação toma um dia cheio. É necessária autorização prévia do PARNASO para acessar o Rio Soberbo, por onde é acessada a base da via. Via recomendada apenas com vários dias antecipados sem chuva. Caminhada de aproximação com trechos perigosos.
Após 350 metros seguindo pelo leito dobrar a direita e subir o colo até chegar a base do paredão. Nesse ponto descer margeando até proximo a face noroeste avistando um riacho com totens. nesse ponto existe uma subida natural para a escalaminhada de aproximação até a base da parede.
Em caso de bivaque na base da via,existe um pequeno ponto a esquerda da base, mais próximo ao espigão indicado no croqui necessitando escalar um 2 grau para alcançar. Comporta 2 escaladores.
Equipamento mínimo necessário:
  • 2 cordas 60 metros ( é possível com uma de 60)
  • 1 jogo de nuts (saca nut para limpar a fenda de A1)
  • 1 jogo de camalots do(#.3 ao #4) #4 repetido
  • Fitas e mosquetões avulsos sem rosca
  • 1 jogo C3 (#000 #00 repetidos facilitam no A1)
  • 1 jogo de micronuts offset
  • Escova de aço
  • 10 costuras longas
Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie.
Encontrou algo errado? Clique aqui

Outras vias cadastradas neste local

Via A Eterna Solidão
D3 5º VIIa A1(5) E2
Acessar
Via Abuso
D6 7º VIIa A2+(1) E3
Acessar
Aperitivo
D2 5º VI E3
Acessar
Variante Cabeça de Batata
1º IV E2
Acessar
Infinita Highway
D3 6º VIIb E3
Acessar
Xenólitos Perdidos do Imenso Monolito
D4 6º VIsup E3
Acessar